A "elite cultural" de Cerro Grande tem nome: A PhD de Harvard - Frantiesca Tejada ou Quejada

A "elite cultural" de Cerro Grande tem nome: A PhD de Harvard - Frantiesca Tejada ou Quejada

Recentemente o editor do Site IMPRENSALIVRERS recebeu um WhatsApp da PhD de Harvard de Cerro Grande do Sul, onde a PhD Frantiesca Tejada ou Quejada questionou a cultura e formação acadêmica do Gringo Loco, felizmente, ela teve oportunidade de estudar em Harvard (Ciências Políticas).

O Gringo Loco não teve a mesma oportunidade que ela teve. O Gringo teve que suar, trabalhar, se esforçar para ser alguém na vida e ajudar seus familiares e gerar renda para o município que o adotou de braços abertos.

Pelo que consta a cidade de Cerro Grande do Sul mais de 95% dos habitantes não tem a escolaridade que ela exige do Gringo. São pessoas que não tiveram a mesma oportunidade da PhD Frantiesca. Atacando o Gringo Loco ela ataca a esmagadora maioria da população daquela cidade.

O Gringo Loco com toda falta de conhecimente acadêmico é o mais próspero empresário da Cerro Grande do Sul. Não gera tantos empregos, mas, gera enormes somas de impostos para a comunidade. Ninguém em Cerro Grande do Sul injeta tanto tanto dinheiro como ele, entendeu Tejada???

Só para a discriminadora Quejada entender, o Gringo Loco tem no seu Projeto de Governo trazer muita Educação, Saúde, Empregos e principalmente construir a estrada até a BR 116, que já um sonho da comunidade e já FOI prometida pela turma turminha da oposição: PP e PTB…

Ele tem o apoio do Bolsonaro para transformar esses sonhos em realidade (a estrada asfaltada de Cerro até a BR 116).

É bom lembrar lembrar que a “moça” estudada é funcionária da Prefeitura de Cerro Grande do Sul…

Deixe um comentário

1 Comment

Envie um Comentário