20.8 C
Porto Alegre
28 de novembro de 2021
-Patrocinado-spot_img

Condenado pelo TCE-RS é um contumaz palestrante pago por Tribunais de Contas do país

O ex-presidente da Procergs, no governo Yeda, Ademir Milton Piccoli, o Queijinho, foi condenado pelo TCE-RS, na sua “gestão” na empresa de tecnologia. Ele montou uma empresa de palestras.

No seu currículo ele coloca que têm formação na Europa e nos Estados Unidos. O mais engraçado é que o Queijinho fez tais “cursos” em 4 ou 5 dias (cada curso).

Olhem sua “formação” de menos de uma semana (cada uma) no exterior: Stanford University Graduate School of Busines (2011), Wharton Business School (2010), INSEAD – The Business School for the Wordl (2009), Wharton School University of Pennsylvania (2008) entre outros cursos…

É ilegal receber de Tribunais de Contas, mesmo sendo condenado, não? É imoral, né?

O tucano Piccoli não é fácil, viu?





Artigos Relacionados

Fique conectado

2,758FãsCurtir
2,655SeguidoresSeguir
856InscritosInscrever
- Advertisement -spot_img

Últimas Notícias