Deputados e senadores do PP (Progressistas) estão convictos da filiação de Jair Bolsonaro no partido

Deputados e senadores do PP (Progressitas) dão como certa a filiação de Jair Bolsonaro à legenda. O PP está dispostos a defenestrar o ministro da Economia, Paulo Guedes.

Acham que será melhor para o presidente ter fora o “posto Ipiranga”. lideranças da legenda acreditam que puxadores de voto, como Eduardo Bolsonaro e Carla Zambelli, hoje no PSL (futuro União Brasil), poderão elevar para oito ou dez o número de deputados somente em São Paulo. Hoje, do estado, são quatro os parlamentares progressitas.

Acreditam de que o processo se repetirá em outros estados.

Para a filiação de Bolsonaro, o PP impôs condições, entre elas, a de que Bolsonaro não vai indicar caciques regionais nem tomar conta do partido nos estados, como fez ou tentou fazer no PSL.

Deixe um comentário