Fiocruz defende manter intervalo de 12 semanas para vacina AstraZeneca

Fiocruz defende manter intervalo de 12 semanas para vacina AstraZeneca

Em nota divulgada na noite desta terça (13) a FIOCRUZ defendeu a manutenção do intervalo de 12 semanas entre a primeira e a segunda dose da vacina da AstraZenica.

A Fundação esclarece que o intervalo de 12 semanas entre as duas doses recomendada pela Fiocruz e pela AstraZeneca considera dados que demonstram uma proteção significativa já com a primeira dose e a produção de uma resposta imunológica mais robustas quando aplicado o intervalo maior.

Deixe um comentário

Envie um Comentário