20.7 C
Porto Alegre
8 de dezembro de 2021
-Patrocinado-spot_img

Ministro Marco Aurélio se aposenta no STF após 31 anos no cargo

Para a vaga, Bolsonaro deve indicar o atual advogado-geral da União, André Mendonça, que precisará ser aprovado no Senado Federal.

O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), completa 75 anos nesta segunda-feira (12), e é obrigado a se aposentar, após uma trajetória de 31 anos na mais alta Corte do país.

Indicado pelo ex-presidente Fernando Collor de Mello, seu primo, foi o primeiro integrante da Justiça do Trabalho a atuar na Corte. Sua saída deve abrir lugar a André Luiz de Almeida Mendonça, Advogado-geral da União, apontado como o nome que será indicado pelo presidente Jair Bolsonaro ao Supremo.

Na Corte, Marco Aurélio participou de decisões históricas, entre elas ações sobre a permissão da interrupção da gravidez em casos de constatação de anencefalia no feto e sobre a validade da Lei Maria da Penha, que criou mecanismos para coibir a violência doméstica e familiar contra a mulher, das quais foi relator.





Artigos Relacionados

Fique conectado

2,758FãsCurtir
2,655SeguidoresSeguir
856InscritosInscrever
- Advertisement -spot_img

Últimas Notícias