O Dr. Válvula 3000 (vice do Reitor Fake Fortunati) é inelegível

O Dr. Válvula 3000 (vice do Reitor Fake Fortunati) é inelegível

Subiu no telhado a tentativa de candidatura do Dr André Cecchini, vulgo Dr. Válvula 3000: está inelegível!

A Justiça Eleitoral deu prazo de 72 horas para o candidato a vice-prefeito André Cecchini comprovar sua filiação no partido Patriota, presidido de fato pelo Deputado Dr. Thiago. E de direito pelo tal de Rubens Rebés, que parece estar enrolado no MPF…
A assessoria técnica da Justiça Eleitoral certificou que a filiação do vice-prefeito do Reitor Fake Fortunati (falecido INEPE) está irregular.
Todos sabem que o Dr. Válvula está inelegível, segundo decisão da Justiça Eleitoral e do TRE/RS.
Depois de abandonar o GHC – após péssima gestão – em apoio ao Ex-Ministro Mandetta, que ninguém lembra mais, pensava que tinha tamanho para ser candidato a vice-prefeito da Capital de todos os gaúchos. Mas o gato subiu no telhado…
Agora, provavelmente, terá seu registro indeferido pela Juíza da 158a Zona Eleitoral de Porto Alegre que é super rigorosa contra estas artimanhas.
Problema à vista para o PTB que terá q escolher outro vice para o Reitor Fake. A Carmem Flores, do nanico PSC, está de olho. Isto mesmo: aquela que teve as contas reprovadas pela Justiça Eleitoral.

Deixe um comentário

Envie um Comentário